Exportações industriais gaúchas sobem 35,1% em 2021

A indústria de transformação gaúcha terminou 2021 com um total de US$ 14,1 bilhões exportados no acumulado do ano, uma taxa de crescimento de 35,1% (um aumento de mais de US$ 3,6 bilhões) na comparação com 2020. Parte deste resultado positivo se deve ao mês de dezembro, cujas vendas somaram US$ 1,4 bilhão, elevação de 29,3% ante o mesmo período anterior. Consideradas as médias dos cinco últimos anos antes da pandemia, de 2015 a 2019, o crescimento foi em ritmo menor, de 14,9%, mas ainda muito acima das taxas usuais. Na análise por setor, Alimentos foi o que mais cresceu em termos de valor, com aumento de US$ 1,1 bilhões sobre 2020, ou 32,5%, resultando em novo recorde das exportações acumuladas do segmento (US$ 4,5 bilhões). Destacaram-se os avanços nas vendas externas de Carne de boi, com mais US$ 22,7 milhões; Carne de frango, mais US$ 193,1 milhões; e Carne de suíno, mais US$ 83,7 milhões. Químicos ocupou a segunda colocação, subindo 65,8% no ano, US$ 697,3 milhões a mais do que em 2020, puxado especialmente pelas altas nas demandas para a Argentina e os Estados Unidos. Os setores de Produtos de metal, Máquinas e equipamentos e Couro e calçados vêm sendo impulsionados pelo movimento cíclico da economia mundial desde 202. Produtos de metal atingiu recorde da série histórica ao subir 64,4% no ano (aumento de US$ 331,3 milhões). Por fim, Couro e calçados teve elevação de 45,2% no ano, em decorrência dos maiores embarques para os Estados Unidos e China, principalmente. Comunicação da FIERGS

25 de Janeiro de 2022

Mais Notícias

Conheça nossos

Associados

A. BÜHLER S/A - CURTUME
LANXESS IND. DE PROD. QUÍMICOS E PLÁSTICOS LTDA
INDUSTRIA E COMÉRCIO DE COUROS DOWIDI LTDA
INDÚSTRIA DE PELES MINUANO LTDA
CURTUME INCOPOL LTDA
EURO-AMÉRICA NOVO HAMBURGO