Produção de calçados deve ser 3% maior neste ano

Com cinco mil fábricas, que geram 280 mil empregos diretos, o Brasil, quinto maior produtor mundial de calçados, estima produzir neste ano 880 milhões de pares, o que representa um crescimento de 3% em relação à 2021. "Estimamos a continuidade da recuperação registrada a partir do segundo semestre do ano passado. A projeção de crescimento ainda fica 6% abaixo dos níveis produtivos pré-pandemia", observa o presidente-executivo da Abicalçados, Haroldo Ferreira. As exportações de calçados devem crescer 5% em volume, resultado 7,5% maior que o de 2019 (pré-pandemia). "A estimativa é de que a indústria calçadista, como acontece tradicionalmente, cresça acima do PIB brasileiro", completa o executivo. A logística internacional seguirá impactando o setor de componentes em 2022. "As exportações são uma alternativa importante, justamente pela falta de matéria-prima no mercado internacional, principalmente na América Latina. Será um ano de reorganização da cadeia produtiva", sustenta a superintendente da Assintecal, Silvana Dilly. O presidente-executivo do CICB, José Fernando Bello, acredita que o aumento do custo dos fretes internacionais, que afetou os negócios no mercado externo no ano passado, deva ser equacionado ao longo de 2022. "Poderemos ter uma melhora nas questões da logística internacional, que foi o grande desafio em 2021 para todos que exportam." “O aumento da inflação e dos juros deve trazer uma diminuição do crescimento do PIB, o que pode afetar o consumo de calçados no mercado interno e os investimentos em bens de capital”, comenta o vice-presidente da Abrameq, André da Rocha. Segundo ele, o ano eleitoral deve ser acompanhado de alta volatilidade. “Os dados atuais reforçam a polarização dos eleitores. Há uma certa apreensão sobre o impacto da inflação no poder de compra das pessoas e da tensão social que isto pode gerar em 2022”, aponta. O dirigente estima que a expectativa de aumento nas exportações de calçados pode compensar alguma variação negativa no consumo doméstico, gerando algum potencial de investimento. Jornal Exclusivo

25 de Janeiro de 2022

Mais Notícias

Conheça nossos

Associados

GOBBA LEATHER INDUSTRIA E COMERCIO LTDA
CURTUME A. P. MÜLLER LTDA
MATS BENEFICIAMENTO DE COUROS LTDA
COUROS BOM RETIRO LTDA
LUIZ FUGA S/A - INDÚSTRIA DE COURO
GERBER REPRESENTAÇÕES IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO LTDA